DESTAQUES

sábado, 31 de outubro de 2009

Atenção pela Paz


Atenção pela Paz

Plantemos, amigos, a semente da paz em nossos corações. O universo não é bandido, somos nós que cruzamos os braços e lavamos nossas mãos. Devemos lembrar sempre, não somos Pilatos, é nosso dever cuidarmos da Terra e dos nossos irmãos. Muito ainda temos que recuperar, nem tudo foi perdido. Nosso bom senso e amor devem ter um grito mais alto e ecoante que o grito dos maus. Somos os predestinados a salvar o mundo em que vivemos. Salvar de nós mesmos, pois não existe outro inimigo!...

O nosso poder é maior que a nossa percepção. Não podemos continuar a destruir nossas famílias e nossos lares. Não podemos nos esquecer que acima de nós há um Deus que, apesar dos nossos defeitos, ainda nos ama. Devemos honrar esse amor e confiança. É triste vermos nossas crianças adentrarem o universo das drogas e do crime. Mas porque elas fazem isto? A moral dos povos vem se degenerando cada vez mais. Somos nós, os componentes desta sociedade, os responsáveis pela falta de amor, fé e perspectiva de vida. Refiro-me a nós somente até o ponto em que continuarmos de braços cruzados e de mãos lavadas. A partir daí, se ultrapassarmos este estágio, apesar de sermos a minoria, seremos seres capazes de edificar um mundo honesto, de amor e de paz!... Nós, artistas e escritores, temos como ferramentas nosso pincel e pena. Investir na cultura é investir na certeza de que amanhã teremos filhos melhores habitando e zelando pelos mais variados espaços desta casa chamada Natureza. Filhos com identidades próprias. Devemos desconsiderar qualquer barreira que venha dificultar a nossa união e trabalho. Devemos nos transformar numa família de fato e, lembrarmos sempre de recuperar o tempo perdido.

- Carlos Conrado – Embaixador da Paz do Cercle Universal dos Ambassadeurs De La Paix – Suisse / France.

2 comentários:

  1. Carlos,seu texto,suas palavras lembram as de Shelley em Rainha Mab e a Defesa da Poesia,que trazem discursos a favor da paz e a importancia da arte.
    Para que possamos mudar o mundo é preciso que mudamos primeiro.parabens!

    ResponderExcluir
  2. Quando pensamos que tudo já foi dito, pensado e tentado, surge uma luz no fim do túnel, energias renovadas, vamos acreditar em nossos sonhos, torna los fatos reais e possíveis...nossos filhos, netos e bisnetos agradecerão...
    Obrigada Conrado, hoje eu precisava ouvir estas palavras,

    Paz e bem!!!

    ResponderExcluir